Diretor do Iphan visita canteiro de obra de restauração da Catedral de Petrópolis

Entre os parceiros que vem atuando na obra de restauração da Catedral de Petrópolis, um deles é o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), que como órgão fiscalizador acompanha todos os processos. Esta semana, o diretor do escritório local do Iphan, Thiago Fonseca, visitou a obra acompanhado do bispo diocesano, Dom Gregório Paixão, OSB e da gerente do projeto, Katia Duque Rossi.

Durante a visita técnica, o diretor do escritório do Iphan visitou todos os locais onde a obra acontece e manifestou seu contentamento com o processo de restauração e, por ver em fase de instalação a passarela entre as cúpulas e o telhado. O local vai permitir aos visitantes fazer uma viagem no interior da Catedral, conhecer as cúpulas por cima e, por meio de telões, conhecer a história da igreja e curiosidades da Catedral.

Dom Gregório Paixão explicou que, neste momento, um dos grandes problemas tem sido a constante chuva, fazendo com que os trabalhos de restauração da área externa sejam interrompidos ou fiquem paralisados, pois nenhum funcionário pode subir nos andaimes. O bispo disse que toda equipe vem trabalhando arduamente para cumprir todos os prazos e espera inaugurar a restauração no primeiro semestre de 2022.